Santa Catarina é o primeiro estado brasileiro a ter uma política do Biogás com legislação própria sobre o assunto.

O Projeto de Lei 26/2018 foi aprovado nesta terça-feira (26) pela Assembléia Legislativa do Estado estimula a produção e utilização do Biogás como fonte de energia.

O intuito é orientar e impor normas para que dejetos e resíduos orgânicos – produzidos na pecuária e áreas urbanas – sejam aproveitados para produção de energia, através de Biodigestores.

Biodigestor Tubular

Biodigestor Tubular

Com essa nova lei estadual, produtores de animais, como suínos e aves, poderão investir ainda mais na construção de biodigestores para dar um tratamento adequado aos dejetos de seus animais, além de utilizar de forma sustentável os resíduos sólidos do lixo urbano e das indústrias. Isso significa uma nova fonte de renda além de diversificar a matriz energética catarinense.

“Santa Catarina abre espaço para transformar o lixo em luxo”.
(Airton Spies – Secretário de Estado da Agricultura e da Pesca)

Mas, como a fabricação de Biogás melhora o meio ambiente?
Airton Spies explica que a captação do gás metano na decomposição dos dejetos de animais reduz em 21 vezes o efeito estufa. Isso porque o metano é um gás 21 vezes mais nocivo para a geração do efeito estufa do que o gás carbônico (que é liberado na geração de energia após a biodigestão). Por isso, a Lei do Biogás contribui significativamente para redução do aquecimento global, mantendo o equilíbrio e reduzindo as mudanças climáticas”.

camada de ozonio

camada de ozonio

Quer saber mais o que é um Biodigestor? Como funciona? Quanto ele vai te gerar de biogás? Nós temos um artigo que vai te explicar tudo de forma bem simples!
Clique aqui para ler o artigo.

O que é um biodigestor e como ele funciona?

Entre em contato conosco e fale sobre seu projeto, nós fazemos orçamento sem compromisso! Transforme seu passivo ambiental em ativo financeiro.
O Biodigestor é um produto que se paga! 😉

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...